Uma grande dúvida, principalmente de quem está começando no Marketing Digital, é como escolher um produto para promover como afiliado.

Cada plataforma, como Hotmart, Monetizze, Monetizze, entre outras, possui características únicas e você precisa conhecê-las e ficar atento na hora de escolher o seu produto.

No entanto, ao escolher um produto para promover, independentemente da plataforma, alguns pontos devem ser levados em consideração.

Geralmente, quando você está começando neste negócio, há uma grande tendência de querer promover àqueles produtos que muita gente já está promovendo.

Não há nada de errado com isso, no entanto você precisa conhecer alguns pontos importantes na hora de fazer a sua escolha.

Como escolher um bom produto para promover como afiliado

Como escolher um produto para promover
Imagem: Pixabay

Existe uma grande diversidade de produtos e caso você não saiba como escolher um bom produto poderá não ter aquele retorno esperado.

Infelizmente, muitas pessoas começam a trabalhar neste mercado e por não terem um bom resultado, que sirva pelo menos como incentivo, acabam desistindo de continuar.

Logicamente, será necessário você fazer a sua parte cuidando da divulgação e fazendo com que o produto seja encontrado.

Por outro lado, o produto precisa ser de qualidade e aceito por quem encontrá-lo.

Por esse motivo separei alguns pontos importantes que certamente vão ajudar você na hora de escolher um bom produto para promover, independentemente da plataforma que você escolher.

1 – Escolha produtos relacionados ao seu nicho de mercado

Primeiramente, você precisa definir um nicho para atuação.

Depois, escolher um produto que seja relacionado ao seu nicho de mercado ou que tenha relação com o seu público.

Por exemplo, não há muito sentido em você trabalhar com emagrecimento e promover produtos de investimento.

Um nicho bem definido facilita a divulgação e atrai mais compradores para o seu produto.

2 – Verifique a demanda por aquele nicho

É importante reforçar que não adianta você escolher um produto que tenha uma ótima comissão, mas que não tenha nenhuma procura.

Você pode pesquisar em grupos e fóruns relacionados ao seu nicho de mercado.

Além disso, também pode contar com auxílio de ferramentas, como o ubersuggest ou o próprio planejador de palavras chave do Google, por exemplo.

3 – Analise a página de vendas

Depois de clicar no seu link de afiliado, o cliente será imediatamente direcionado à página de vendas do produto.

Ou seja, a página de vendas será o primeiro contato do cliente com o produto.

Sendo assim, ela precisa realmente cumprir o seu papel, ter a capacidade de fechar a venda.

Por esse motivo vale a pena investir um pouco do seu tempo analisando a qualidade dessa página.

Observe algumas características que não podem faltar em uma boa página de vendas:

► Layout – além de chamar a atenção, o layout precisa ser agradável e de fácil entendimento facilitando a navegação do cliente.

► Vídeo de vendas – geralmente o produtor do produto coloca um vídeo de apresentação falando sobre o seu produto.

Assista ao vídeo e observe se o produtor mostra tudo o que o produto será capaz de fazer na vida de quem comprá-lo.

► Informações sobre o produtor – veja se o produtor é experiente no ramo, possui autoridade, tem resultados, etc.

► Características do produto – observe se fica claro o tipo de conteúdo e do material que será entregue ao cliente final, como vídeo-aula, e-book, etc.

Um produto bom precisa cumprir o que promete.

► Depoimentos (Prova Social) – a opinião de outras pessoas, que já fizeram uso daquele produto, é muito importante e não pode ficar de fora de uma boa página de vendas.

O Youtube também é um ótimo local para você fazer essa busca e verificar a reputação de um produto.

Em geral, além de persuasiva, uma página de vendas tem que ser capaz de quebrar qualquer tipo de objeção referente ao produto que está sendo ofertado.

Acredite, uma boa página de vendas é um dos principais fatores que levam alguém a comprar um produto.

4 – Produtos perpétuos e lançamentos

Um produto perpétuo é aquele que ficará disponível para venda o tempo todo, independentemente da época do ano.

Significa que o cliente poderá comprá-lo no momento que quiser.

Por outro lado, um produto de lançamento será liberado para compra apenas durante um determinado período de tempo.

Sendo assim, dependendo do seu objetivo, é melhor escolher um produto perpétuo para promover, tendo em vista que suas vendas poderão acontecer em qualquer momento.

5 – Duração do Cookie

Cookie é um pequeno arquivo que tem como finalidade armazenar as informações de cada usuário, quando este visitar um determinado site.

A duração do cookie pode variar entre 30, 60, 90… dias, ou para sempre, de acordo com a configuração de cada produtor.

Isso significa que se uma pessoa visitar a página de vendas de um determinado produto por meio do seu link de afiliado, porém não fazer a compra naquele momento, o cookie ficará marcado no navegador dela.

Se depois de um tempo essa pessoa decidir pela compra a comissão ainda será sua, ou seja, durante o período de funcionamento do cookie você ainda receberá comissão.

Entretanto, após o vencimento do mesmo você não receberá mais comissão.

Na pratica, quanto mais tempo durar o cookie, melhor.

6 – Afiliação Global

A afiliação global funciona da seguinte forma:

  • Imagina que o produtor tenha dois produtos (A e B).
  • Você está promovendo o produto A.
  • O potencial cliente encontra o produto A, indicado por você, mas por algum motivo acaba escolhendo o produto B.

Por meio da afiliação global, embora isso aconteça você irá receber comissão.

7 – Suporte para afiliados

É grande a possibilidade de quem está começando precisar de suporte.

O produtor que oferece suporte para seus afiliados está realmente preocupado em ajudá-los a fazer vendas.

Verifique os canais de comunicação disponíveis, como e-mail, whatsapp, telegrama, grupo no facebook, entre outros.

8 – Preço x Comissão

Existem produtos digitais que pagam até 80% de comissão para o Afiliado.

Isso acontece porque eles possuem algumas vantagens em relação aos produtos físicos, como facilidade de entrega, tendo em vista que será por e-mail ou através de uma área de membros, e não há necessidade de gastar com estoque.

Contudo, isso não garante a certeza de ser um bom negócio.

Pode acontecer do preço ficar elevado demais para o consumidor final dificultando a negociação.

Não há um preço ideal a ser indicado, no entanto você, que está começando, precisa saber que quanto mais caro for um produto, maior será a relação necessária com o potencial cliente, como por exemplo a utilização de um funil de vendas.

Para decidir se a comissão será boa ou não, coloque no papel todos os gastos que você terá para promover o produto e verifique se vale a pena o trabalho.

9 – Empatia

Como você pode ver existem produtos que oferecem ótimas comissões, entretanto, você deve escolher não apenas pelo dinheiro, mas pela qualidade também.

Sendo assim, coloque-se no lugar do cliente por um momento e pergunte a si mesmo se você compraria este produto.

Ofereça algo capaz de transformar a vida de quem o comprá-lo e certamente terá sucesso.

Dica Extra I – Material de apoio

Não é algo obrigatório, mas se o produtor oferecer material de apoio para os afiliados, como e-mails, banners, páginas complementares, entre outros, será melhor ainda, não é mesmo.

Dica Extra II – Upsell

O Upsell ou Upselling pode ser entendido como uma venda adicional.

Trata-se de uma técnica de vendas na qual o produtor oferece um segundo produto, geralmente com preço mais elevado, para o mesmo cliente.

Nesse caso, se futuramente o cliente comprar o segundo produto desse mesmo produtor, você ainda poderá receber comissão.

Um exemplo prático de Upsell é quando você adquire um produto ou serviço que tenha duas opções de escolha, onde você começa com menos recursos e para ter acesso a outras funcionalidades será necessário atualizar o seu plano para uma opção premium.

São estratégias que podem melhorar o seu desempenho nas vendas, no entanto não são todos os produtores que trabalham com essa técnica.

Dica Extra III – Vários produtos ao mesmo tempo

Depois que você adquirir experiência, não há problema algum em abrir um pouco mais o seu leque.

Entretanto, pelo menos no começo do seu negócio, procure manter o foco em apenas um nicho de atuação.

Assim como é indicado manter o foco em apenas um nicho, também procure manter o foco em apenas um produto dentro daquele determinado nicho.

No entanto, caso você prefira trabalhar com mais de um produto simultaneamente, de preferência àqueles produtos que se complementem e não tenham nenhum tipo de concorrência entre eles.

Além disso, faça uma busca em sites como o Reclame Aqui e verifique se há reclamações referente ao produtor e o produto que você pretende promover.

Conclusão

Fico muito feliz em poder compartilhar com você algumas dicas de como escolher um bom produto para promover como afiliado.

Considero dicas realmente importantes, tendo em vista que você poderá usá-las em qualquer plataforma que ofereça produtos a serem promovidos por afiliados.

Espero que o artigo tenha sanado todas as suas dúvidas.

De certo modo, gostaria que você participasse por meio dos comentários compartilhando conosco suas experiências.

Você também pode assinar o boletim para receber atualizações por e-mail.

Participe dos Comentários

Este site utiliza Cookies e Tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência. Ao utilizar nosso site você concorda que está de acordo com a nossa Política de Privacidade.